Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Mãe e filho e as suas visões diferentes na hora da escolha de um lugar para viverem. Aqui vai: ontem, mostrei uma série de fotos de uma casa ao meu rapaz e sua namorada, para ver se eles se interessavam na sua compra.

A certa altura eu comentei, pensando mais neles que em mim, que haveria um senão, que talvez não lhes agradasse: o andar é um terceiro, sem elevador. Pois é. Nem tudo é perfeito, pensei eu. De facto, há muitos prédios em Lisboa, que é muito habitual serem assim.

Tive como resposta dela, que o mau não era isso, mas o facto de não ter uma cozinha individualizada. Expliquei-lhes que, no passado, essa cozinha existia mas os antigos donos optaram por deitar abaixo a parede que a ligava à sala, e fazer sala e kitchenette, para obterem um espaço mais amplo.

O meu rapaz, contudo, achou os espaços pequenos e pouco amplos, face ao que tem agora.

Bem, cada um tem a sua visão: para ela há a falta da cozinha; para ele é a falta de espaços largos.

Não sabem eles que, nessa pequena casa, já lá habitaram quatro pessoas: um casal e com os seus dois filhos. Se havia falta de espaço? É claro que que sim, mas foram criados e felizes da mesma.

Embora considere o imóvel pequeno, pareceu-me ser suficiente para eles  - dois adultos em início de vida, uma gata e um coelhinho - e que iriam conseguir resolver a necessidade de terem que arranjar um novo local para viverem. Onde estão é só até ao final do ano.

Para mim, e querendo arranjar um "senão", era o facto de não ter GARAGEM! Só de pensar tendo esta menina se acabava o meu dilema de sair com o carro, e o da chatice do estacionamento, no regressa à mesma. Isso é que era luxo!

Isto, é claro, a minha visão. Não a deles. Parece que não há nada mais a acrescentar e é mais que tempo de arrumar o assunto.

Mas como sou uma mãe, nada metidiça, concordei e tal e tal, e agora venho aqui desabafar com vocês, lolol.

Bolas, esta casa, ao pé da que eles vivem atualmente, tem mais um quarto. É pequeno, eu sei, mas daria para as arrumações que a casa onde estão não tem. Ou, com umas obras, haveria a opção de deitar abaixo a parede entre os dois quartos, caso fosse possível, e fazer um amplo quarto, aplicando lá um bom roupeiro. Ficaria um quarto com janela e varanda, e com muita luz.

Sim, não tem cozinha separada da sala, eu sei. Mas tem  e cabe lá muita coisa. Estavam a viver lá três pessoas: um casal e uma criança de 10 anos, e mais uma pequena cadela. E na sala/cozinha há muita luz e sol, e acaba por ser um espaço mais que suficiente para as horas que acabamamos por estar em casa.

Mas isto sou eu, uma cota, habituada a muito pouco, ou mal habituada ao bem bom, sempre com os entido do remedeio. Mas cada cabeça é cada cabeça, e cada uma tem a sua sentença.

Nada feito quanto a isto, e agora sim, assunto arrumado! Bom dia gentes que me "ouvem"!


8 comentários

Imagem de perfil

Marta Elle 16.07.2019

Fazes bem em dar-lhes a tua opinião, mas eles também vão aprender com os erros.
A minha cozinha é minúscula e se comprasse outra casa não caía no mesmo erro.
Imagem de perfil

Mãe Maria 17.07.2019

tem de se opinar, não intrometer-nos. A vida é deles. beijinho
Imagem de perfil

Maria 16.07.2019

Não merece sugerir. São detentores da razão e criados com mais fartura que nós fomos. Tal como tu não me meto. Limito-me a sugerir, mas é inútil.

Pena é que depois acabam por nos dar razão.
Mas assim é que se aprende. 😁
Um dia feliz
Imagem de perfil

Mãe Maria 17.07.2019

Acho que merecem que nós lhe digamos o que pensamos, mesmo sabendo que não nos vão ouvir, no imediato. Mais tarde eles dão-nos razão, pois entretanto ficou lá dentro o que dissemos e eles vão perceber que havia razão. Faz parte do processo de amadurecimento.
Imagem de perfil

Maria 17.07.2019

Aprendem sempre. Mesmo que digam não, mais tarde acabam por nós dar razão. Tenho 2 filhos . Nunca acatan o que sugiro. Um tempo depois acabam por perceber.
Como dizes, faz parte do amadurecimento.
Um dia feliz!
Imagem de perfil

Luísa de Sousa 16.07.2019

Oh Maria, como me revejo.
Tenho 3 filhas, duas já com a sua vidinha arrumada e quando me pedem uma opinião (quando já a têm tomada), é o mesmo .... eu vejo mais além, pela minha experiências e necessidades da vida e eles não conseguem enxergar!!! E sabes que mais .... muitas vezes dão-nos razão, só mais lá para a frente!!!
É deixá-los decidirem !!!
Feliz Dia!
Imagem de perfil

Mãe Maria 17.07.2019

É isso. A gente opina e depois logo se vê. Quando crescerem, percebem. Pena é até lá, haver muitas das vezes asneira, mas olha, também aconteceu connosco, não é??

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor