Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

4 sapos

Mãe de dois, 56 anos. Gosto de livros mas não me dedico 100% a eles. As costuras, pintura, cozinha, caminhadas e corridas ocupam o resto do dia. Fazer bolachas é um mimo, escrever é um alimento da alma.

Mãe de dois, 56 anos. Gosto de livros mas não me dedico 100% a eles. As costuras, pintura, cozinha, caminhadas e corridas ocupam o resto do dia. Fazer bolachas é um mimo, escrever é um alimento da alma.

4 sapos

04
Jul19

Homens e mulheres: o que há de errado?


Mãe Maria

Discussão de pensamentos, entre colegas homens e mulheres, a meio da nossa hora da ginástica:

- O teu marido ajuda nas tarefas domésticas, pergunta a colega A?

- Ele não tem que ajudar, comenta uma outra colega, a B, ele tem de fazer.

- Sim, respondo eu. Ele aspira, limpa o pó, muda a roupa da cama, passa a ferro, e outras coisas.

- Chiça, então e o que fazes tu?, diz um deles, o colega D. O rapaz é um escravo.

- Lavo as casas-de-banho, a cozinha, não só o chão, mas também o frigorífico, os móveis, os azulejos, etc. E lavo o chão da casa, ponho a roupa a lavar, estendo-a, embora ele também faça estas coisas caso eu não possa.

- Claro que fazemos muitas outras coisas. E tu ainda fazes as costuras. Acho bem que ele faça se não podes, diz a colega B.

- E limpo os cantinhos onde o marido não chega. Dou uma limpeza maior porque há coisas que ele não limpa.

- Pois, diz o colega D indignado. A minha também tem essa mania. Eu limpo e depois vai fazer o mesmo que eu, porque diz que não llimpei bem. Depois queixa-se que tem muito trabalho. É sempre o mesmo.

- Por isso eu não faço nada, diz o colega X. Não estou para ouvir dela. Ela que aguente, é se quer.

É sempre esta "guerra" entre sexos. Elas queixar-se-ão: Eles nunca fazem nada; Eles só ajudam e deviam era fazer; Eles nunca fazem nada bem; e Eles, dirão: Para elas o que fazemos está sempre mal feito; Elas acham que a gente só ajuda; Elas dizem que o que fazemos é sempre pouco; Elas só nos vêm a ver futebol e sentados no sofá a não fazermos nada.

Conclusão: Esta conversa nunca irá deixar de existir. Elas e eles terão sempre estas queixas no bolso. Somos diferentes, quer queiramos quer não.

E esta conversa é a ponta de um Iceberg nas guerrilhas entre sexos.

 

1 comentário

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D