Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



28
Jan19

Gestão do meu tempo II

por Mãe Maria

Sobre o meu anterior post sobre a gestão do meu tempo agradeço a quem se disponibilizou dar-me umas dicas.

O vosso feed back é sempre importante e útil. Abre fronteiras que muitas vezes estão fechadas.

Contudo, ficou por vos explicar que, o mais que tudo me faz imensas tarefas domésticas. E faço notar que foi um rapaz criado a não fazer nada, não porque não quisesse mas porque não o deixavam fazer.

Além disto, também delego funções nos outros meus dois sapos, embora, a maioria das vezes, não seja nada do que gostava de ver. Tenho de fechar os olhos, algumas vezes, outras vou barafustando, quando me parece que houve bombas a rebentarem nos quartos deles.

Restam-me as opções:

- Meto-me em trabalhos super extras, que não há vinte e quatro horas que lá cheguem;

- Sou perfecionista em excesso;

- E por último, não sei gerir o tempo, e ponto final!

Só tenho dois braços e querer abraçar um mundo inteiro nesse ciclo horário diário, é de facto exagero. Não somos elásticos embora os dias sejam sempre iguais, variando apenas nuns meros segundos.

Tenho de esquecer as migalhas que vejo espalhadas, o pó nos cantos difíceis...enfim, uma panóplia de exageros meus que nem vale a pena mencionar.

É preciso é que o tempo me dê tempo para respirar fundo e concentrar-me no essencial da vida.

Bom dia.

 


4 comentários

Imagem de perfil

Marta Elle 28.01.2019

Não vale a pena stressares. Se levares as coisas com calma, vais ver que corre tudo melhor.
Imagem de perfil

Luísa de Sousa 28.01.2019

Isso mesmo, "deixar de ver" certas coisinhas que só nós vemos (o meu marido assim o diz). Eu também já fui muito perfecionista, mas quando nasceu a minha segunda filha (tenho 3), tive de optar, ou ficava louca e fazia dos meus uma vida de inferno, ou parava para respirar e só fazia o essencial. Tomei a segunda opção e, acredita, foi a melhor! Beijinhos e força
Imagem de perfil

omeumaiorsonho 28.01.2019

Acho que pensamos demais nas tarefas domesticas e esquecemos-nos um pouco de nós, nas coisas simples da vida!
Eu vejo por mim, levo o tempo na volta da roupa, das limpezas, da comida e assim se vão passando os dias e não aproveitamos o melhor da vida!

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor