Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

4 sapos

4 sapos

06
Dez19

Divagações e desejos


Mãe Maria

Venho, aqui, lamentar-me por não ter um amigo que me deixa viver à borlix na sua majestosa casa de Paris, que me dê dinheiro para gastar à fartadix nas minhas Louis Vuitton e afins.

Estamos às portas do Natal e uns extras monetários sem existirem prazos de retorno, caíam que nem ginginha.

Vocês também queriam ter um amigo assim. Certo?

A história “Socraniana”, dos últimos meses, é tão engenhosa quanto tão hilariante.

A probabilidade de ter um amigo de infância ou da escola, milionário, nascido num país pequenino como ao nosso, é quase de um para dois milhões, digo eu que sou pouco entendida nestes casos miranbolantes e afortunados. E lá calhou um, em sorte, a este nosso ex primeiro-ministro, personagem real e que já consta da história deste país.

Afinal quem é o Sócrates?

Se falarmos do Sócrates que viveu entre 470-399 a.C., este foi um filósofo da Grécia antiga, é considerado o primeiro pensador do trio de antigos filósofos gregos, que incluía Platão e Aristóteles, a estabelecer os fundamentos filosóficos da cultura ocidental. “Conhece-te a ti mesmo” é a essência de todo seu ensinamento. (palavras não minhas mas que as achei por aí na auto-estrada virtual).

Ora, o nosso conterrâneo Sócrates, atual arguido da já conhecida “Operação Marquês”, tem  semelhanças a este Sócrates filosófico: foi para Paris estudar filosofia, quiçá aprofundar os fundamentos filosóficos da cultura ocidental. “Conhece-te a ti mesmo” porquanto ele denota um narcisismo tão vincado que só não vê quem não quer.

Cara de pau a fazer de nós uns palhaços e a transformar uma coisa séria num grande circo: ele é o palhaço principal, o rico, o que uma grande maioria dos miúdos não gosta por ser um sacana, com todos nós na plateia a dar umas gargalhadas e a deixar passar a coisa.

O único motivo porque não quero ter um amigo desses é porque a verdade, vem ao de cimo, quase sempre, e catrapuz, lá cairia em desgraça.

E ver o céu aos quadradinhos, sem poder ir dar um saltinho à praia, quando o corpo pede sol, areia e vento, não é coisa que esteja na minha wishlist.

Um ordenado acima do mínimo nacional, saúde suficiente para me livrar de medicamentos, uma familia com F grande, um abraço apertado, uma ida ao cinema, uma palete de tintas de aguarelas, um casaco novo, uma viagem ao universo, são desejos que eu poderia colocar, facilmente, na minha lista.

Não me calhou uma amigo assim, e eu já desabafei.

Haja saúde que tudo o resto se torna secundário.

BFsemana gente que eu, domingo, se não chover, vou dar um salto até Belém, a dos pastéis de nata, e lançar-me à estrada  para correr mais uma meia maratona.

 

2 comentários

  • Imagem de perfil

    Mãe Maria 08.12.2019 06:49

    É isso, vender a alma ao diabo. É melhor estarmos como estamos..
  • Comentar:

    CorretorMais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

    Mais sobre mim

    foto do autor

    Sigam-me

    Subscrever por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2013
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D