Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Não se pode fazer qualquer pesquisa por este mundo virtual, que logo nos caiem via sms, emails, chamadas de numeros desconhecidos, ou seja lá de que outra forma, publicidade a tudo e mais um par de botas à volta desse assunto que pesquisámos.

Estamos mesmo sintonizados em perfeita ligação com o mundo inteiro, e há um verdadeiro Big Brother que nos espia a todo o momento.

Ultimamante, tenho tido muitas insistências de umas empresas, a quererem que eu experimente, durante um mês e gratuitamente, um aparelho auditivo. Mas que diabo sabem eles sobre a minha surdez?

Sim, estou a caminho de deixar de ouvir muitos dos sons deste planeta. Aliás há já alguns que se foram, como um simples bater da chuva nos vidros da janela.

Já sei que preciso de usar um bicho daqueles. Mas não preciso que chovam empresas, desesperadas a quererem ser elas a venderem-me esse produto. Quando eu achar que chegou a hora, lá baterei à porta daquela que eu achar melhor. Sou mais teimosa que eles e então, bloquei todos os numeros que me caiem no telemóvel.

O mesmo acontece, agora, com os bancos que me querem "dar" empréstimos, para usufruir do dinheiro no que quiser, em especial, nuns dias de sonho em algum lugar paradisíaco. Não que não gostasse de estar, agora, de papo para o ar, numa dessas ilhas que mais parecem o céu, aquele lugar que dizem ser o oposto do inferno. Ora bolas, quem não quer, não é?

O probema, e isso eles escondem o mais que podem, é o custo que depois vou ter, que me irá saír do pêlo, para cumprir, a tempo e horas, o pagamento bancários de tais devaneios.

Hoje um banco já me enviou mais do que uma mensagem a convencer-me a pedir umas quantas "notas", oferecendo-me, como contrapartida se pedido der entrada até à meia noite de hoje,  um vale de 360 euros em hotéis Vila Galé. E acham que vou na história deles? O que são 360 euros nesses hotéis de luxo? Não, comigo não pega.

Apelo ao Santo Ambrósio, que nem sei se existe, que esse pessoal me deixe sossegadita. Quando achar que quero gastar dinheiro, eu avanço, Compreendido?

Não sou maria vai com todos, nem quero saber como o "vizinho" conseguiu ter um rolls-royce à porta de casa, nem quero saber como conseguiu ir de viagem até ao outro lado do mundo. Eles são eles, e eu sou eu.

Das minhas maleitas e finanças, sei eu. Não preciso que me andem a espiar os passos e a espicaçar-me ao consumismo que não quero.

A grande culpada sou eu que bavego poe estas redes sociais que são autênticos virus de informação. Mal dou um clik, logo todo o mundo vai saber o vi, ou mesmo o que disse, quer seja para o bem ou para o mal. E ainda há os invejosos, autênticos espiões, que tratam logo de nos achincalhar, podendo chegarmos ao cúmulo considerarmos que estamos em maré de sorte, caso não nos saie um destes tipos na rifa.

Bom dia.


6 comentários

Imagem de perfil

Cláudia Ventura 01.10.2019

É verdade!!! Eu também sou vítima disso. E não só em SMS e email, pelo faceboonk e instagram também!!! Que máfia!!!
Imagem de perfil

Marta Elle 01.10.2019

São tão chatos !
Nem atendo essas chamadas.
Beijinhos
Imagem de perfil

Mãe Maria 02.10.2019

também não atendo. MAs às vezes penso nas pessoas que trabalham nesses serviços e que precisam de ganhar o seu sustento. Enfim, nada é perfeito
Sem imagem de perfil

Magui Ferreira 01.10.2019

É uma praga, estão por todo o lado.
Beijinho
Imagem de perfil

Mãe Maria 02.10.2019

Pois, pior que baratas. Mas é o trabalho deles. E às vezes penso nisso, mas acabo por não atender e acho-os uns chatos. Nada é perfeito.

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor