Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

4 sapos

Mãe de dois, 56 anos. Gosto de livros mas não me dedico 100% a eles. As costuras, pintura, cozinha, caminhadas e corridas ocupam o resto do dia. Fazer bolachas é um mimo, escrever é um alimento da alma.

Mãe de dois, 56 anos. Gosto de livros mas não me dedico 100% a eles. As costuras, pintura, cozinha, caminhadas e corridas ocupam o resto do dia. Fazer bolachas é um mimo, escrever é um alimento da alma.

4 sapos

02
Jan20

O primeiro dia de 2020 passou


Mãe Maria

O primeiro dia de 2020 passou.

Almoço com a sogra na tentativa de ela sair um pouco de casa e obrigá-la a dar uns passos diferentes dos seus habituais que já sabem de cor o caminho do cemitério. Não há quem a demova desta sua teimosia. Mas cada um é como é, e nada mais há a acrescentar.

A procura de um restaurante neste dia um, em Lisboa, não é tarefa fácil. Compreende-se. A noitada foi longa e há que dar descanso ao corpo.

Achámos um, muito "michuruca", numa zona turística. Bem, em Lisboa, nos dias que correm, é difícil encontrar zonas que não sejam turisticas. Há-os por todo o lado.

E, claro, não se comeu do melhor e pagou-se caro. É o preço a pagar pela invasão turística com a junção de ser no primeiro dia do ano.

Comida ingerida, rapidamente regressámos a casa pela impossibiliade de locomoção da sogra.

Aninhada no sofá, com uma manta tentando deriblar o frio da tarde, assisti ao concerto do Ano Novo de Viena.

an.jpg

A magia do lugar é tal que apetece estar naqueles salões que brilham, onde o pó parece não existir. Adoro os bailados, a música, as palmas, os vestidos, as paisagens.

índice.jpg

Numa breve pesquisa nas estradas virtuais, fiquei a saber que, para lá estar a assistir, teria de ter a bolsa recheada porque, as entradas, além de limitadas, de terem de ser pré-reservadas com uma ano de antecedência e ter a sorte de me sair, após estas serem sorteadas por entre os muitos amantes concorrentes a estarem presentes neste espetáculo, custam os olhos da cara. Custam exorbitantemente.

Vi-me a falar, momentâneamente, para os meus botões e a pedir aos santos sagrados uma ajuda para conseguir estar, um dia, nesse lado do mundo do dinheiro e presentear-me com uma ida a esse paraíso.

Sonhos, só mesmo sonho. Mas enquanto a liberdade não me proibe do sonho, seja ele real ou inalcansável, venham mais alguns deles que eu me consolarei. São necesa´rios para a engrenagem positiva da visa.

Happy New Year to you.

 

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D